Cuidados recebidos na infância e investimento parental em mães de bebés pré-termo

DSpace/Manakin Repository

español português english

Cuidados recebidos na infância e investimento parental em mães de bebés pré-termo

Show full item record

Title: Cuidados recebidos na infância e investimento parental em mães de bebés pré-termo
Author: Freitas, Eva Sousa
Abstract: Objetivo: articular la calidad de la inversión realizada por las madres que vivieron un parto prematuro respecto a sus hijos a través del recuerdo de las relaciones establecidas con las figuras parentales en su infancia. Instrumentos: "Cuestionario socio-demográfico y clínico. Escala de satisfacción con apoyo social. Escala de satisfacción en áreas de la vida conyugal. Vinculación parental a los hijos". Hipótesis: Cuatro hipótesis se probaron relativas a la satisfacción con el apoyo social, Satisfacción civil, maternidad o paternidad y sobreprotección (H1), Aceptación del papel de los padres, a (H2) Placer. En cuanto al desempeño del rol de los padres, a (H3) Conocimiento y sensibilidad mientras se enfrenta a las necesidades de los niños y (H4) La inversión total de los padres. Resultados: Las hipótesis H1, H2 y H4 fueron parcialmente confirmadas, con una contribución particularmente importante de recuerdos relacionados con la sobreprotección de su padre. H3 no fue confirmado, pero mostró que las variables obstétricas juegan un papel muy importante en esta área. Conclusiones: Los resultados obtenidos mostraron que los recuerdos relacionados con la atención recibida durante la infancia parecen influir en la calidad de la inversión de los padres en los hijos nacidos antes de término.Objectivo: Articular a qualidade do investimento realizado pelas mães que viveram um parto prétermo relativamente às suas crianças com as memórias das relações estabelecidas com as figuras parentais nas suas infâncias. Instrumentos: “Questionário Sócio-Demográfico e Clínico, Escala de Satisfação com o Suporte Social, Escala de Satisfação em Áreas da Vida Conjugal, Parental Bonding Intrument e a Escala de Investimento Parental na Criança”. Hipóteses: Foram testadas quatro hipóteses que relacionavam a Satisfação com o Suporte Social, a Satisfação Conjugal e o Cuidado e Superprotecção Parentais com (H1) a Aceitação do Papel Parental, com (H2) o Prazer no Papel Parental, com (H3) o Conhecimento e a Sensibilidade perante as Necessidades da Criança e com (H4) o Investimento Parental Total. Resultados: H1, H2 e H4 foram parcialmente confirmadas, destacando-se particularmente a contribuição das memórias relativas à superprotecção do pai. H3 não foi confirmada mas mostrou que as variáveis obstétricas desempenham um papel importante nesta temática. Conclusão: Os dados obtidos permitem concluir que as recordações relacionadas com os cuidados recebidos na infância, por parte das figuras parentais, parecem influenciar positivamente a qualidade do investimento parental exercido pelas mães das crianças nascidas pré-termo.Objectivo: Articular a qualidade do investimento realizado pelas mães que viveram um parto prétermo relativamente às suas crianças com as memórias das relações estabelecidas com as figuras parentais nas suas infâncias. Instrumentos: “Questionário Sócio-Demográfico e Clínico, Escala de Satisfação com o Suporte Social, Escala de Satisfação em Áreas da Vida Conjugal, Parental Bonding Intrument e a Escala de Investimento Parental na Criança”. Hipóteses: Foram testadas quatro hipóteses que relacionavam a Satisfação com o Suporte Social, a Satisfação Conjugal e o Cuidado e Superprotecção Parentais com (H1) a Aceitação do Papel Parental, com (H2) o Prazer no Papel Parental, com (H3) o Conhecimento e a Sensibilidade perante as Necessidades da Criança e com (H4) o Investimento Parental Total. Resultados: H1, H2 e H4 foram parcialmente confirmadas, destacando-se particularmente a contribuição das memórias relativas à superprotecção do pai. H3 não foi confirmada mas mostrou que as variáveis obstétricas desempenham um papel importante nesta temática. Conclusão: Os dados obtidos permitem concluir que as recordações relacionadas com os cuidados recebidos na infância, por parte das figuras parentais, parecem influenciar positivamente a qualidade do investimento parental exercido pelas mães das crianças nascidas pré-termo.
URI: http://hdl.handle.net/10662/2650
Date: 2012


Files in this item

Files Size Format View
0214-9877_2012_1_1_293.pdf 125.9Kb PDF View  Thumbnail

The following license files are associated with this item:

This item appears in the following Collection(s)

Show full item record

Atribución-NoComercial-SinDerivadas 3.0 España Except where otherwise noted, this item's license is described as Atribución-NoComercial-SinDerivadas 3.0 España

Search DSpace


Browse

My Account

Statistics

Help

Redes sociales